Novembro azul - Dr Mikael Vieira

Novembro azul

Novembro azul

O novembro azul é mundialmente conhecido como o mês de prevenção ao câncer de próstata.

A doença está entre os tipos mais comuns entre os homens. De acordo com o  Instituto Nacional do Câncer (Inca) é a causa de morte de 28,6% da população masculina. No Brasil, um homem morre a cada 38 minutos devido ao câncer de próstata.

1 – O que é a próstata?

Trata-se de uma glândula exclusiva dos homens, tem a forma de maçã e se situa logo abaixo da bexiga e à frente do reto (parte final do intestino grosso). A próstata envolve a porção inicial da uretra, tubo pelo qual a urina armazenada na bexiga é eliminada. O órgão é responsável por produzir parte do sêmen, líquido espesso que contém os espermatozoides, liberado durante o ato sexual.

Quais são os sintomas?

Na maioria das vezes, este câncer cresce muito lentamente e costuma não apresentar sintomas na fase inicial. Quando alguns sinais começam a aparecer, cerca de 95% dos tumores já estão em fase avançada. Na fase avançada, os sintomas são:

• dor óssea;

• dores ao urinar;

• vontade de urinar com frequência;

• presença de sangue na urina e/ou no sêmen.

Fatores de risco:

• histórico familiar de câncer de próstata: pai, irmão e tio;

• raça: homens negros sofrem maior incidência deste tipo de câncer;

• obesidade.

Como prevenir e tratar?

O diagnóstico precoce é a melhor forma de alcançar a cura do câncer de próstata. Por isso, mesmo na ausência de sintomas, recomenda-se que homens a partir dos 45 anos com fatores de risco, ou 50 anos sem estes fatores,compareçam ao urologista para realizar o exame de toque retal, que permite ao médico avaliar alterações da glândula, como endurecimento e presença de nódulos suspeitos.Além disso, pode ser solicitado o exame de sangue PSA (antígeno prostático específico).

Sabe-se que aproximadamente 20% dos pacientes com câncer de próstata são diagnosticados somente pela alteração no toque retal. No entanto, outros exames poderão ser solicitados se houver suspeita de câncer de próstata, como as biópsias, que retiram fragmentos da próstata para análise, guiadas pelo ultrassom transretal.

Então, diga não ao preconceito e sim para sua saúde! Quer saber mais? Continue acompanhando o blog.

Fontes:

Agência Brasil

Sociedade Brasileira de Urologia

Open chat
Precisa de ajuda?