Doenças Sexualmente Transmissíveis - Dr Mikael Vieira

Doenças Sexualmente Transmissíveis

Doenças Sexualmente Transmissíveis

São doenças normalmente transmitidas por via sexual. As principais DSTs são Sífilis, Uretrites Gonocócicas e Não-gonocócicas, lesões causadas pelo Herpes Vírus, Cancróide e Condiloma Acuminado (causado pelo HPV). Mesmo com a divulgação de métodos de prevenção como os preservativos, sua prevalência se mantém estável.

O paciente com qualquer DST também possui fator de risco para outras infecções transmitidas pelo sexo, devendo ser oferecido, além do tratamento adequado, as sorologias para Hepatite B e C, Anti-HIV e para Sífilis.

Com relação ao Condiloma, mais conhecido como Verrugas Genitais, podem acometer a pele do períneo, pênis, glande, uretra, nádegas, vagina e ânus. São causadas pelo HPV (Papiloma Vírus Humano), sendo os subtipos 6 e 11 responsáveis por 90% dos casos, considerados de baixo grau. Os subtipos de alto risco oncogênico (16 e 18) estão relacionados a tumores malignos, principalmente o câncer do colo do útero em mulheres e câncer peniano nos homens.

O tratamento é realizado de duas formas, sendo a primeira com intuito de erradicar a lesão condilomatosa e a segunda com a finalidade de realizar uma imunomodulação, cuja intenção é evitar novas recidivas.

Existem várias opções de tratamento para as verrugas genitais, como por exemplo, agentes cáusticos (ácido tricloroacético), podofilina, imunomoduladores, excisão cirúrgica, eletrocauterização e vaporização. A escolha da opção depende do tipo, número, extensão e localização das verrugas.

Deixe o seu recado

Open chat
Precisa de ajuda?